Ciclo PDCA na prática: O maravilhoso mundo da melhoria contínua de A-Z

Colocando em prática o processo de melhoria contínua.

0
665
gp4us - Ciclo PDCA na pratica

Ciclo PDCA quer dizer em inglês, PLAN-DO-CHECK-ACT, que significam Planejar – Fazer – Verificar – Agir. Trata-se de uma metodologia ou uma técnica de gestão interativa que consiste justamente nestes quatro passos, e que tem como objetivo melhorar os processos e os produtos de forma contínua. Detalharemos, neste post, a utilização do ciclo PDCA na prática.

Ciclo PDCA na prática

O ciclo respeita a ordem proposta pela sigla. Ou seja, tudo começa com o P, o Planejamento, momento em que você deve focar a parte estratégica, levantando informações e analisando-as. Depois, parte-se para a prática, o D, quando o que foi planejado deve ser executado.

E o que foi executado deve, então, ser verificado, ou checado (C); é o momento em que as ações são avaliadas, e cuja avaliação aplicará uma ação ou um ajuste (A), de forma a corrigir os problemas e as divergências encontradas.

gp4us - Ciclo PDCA

Agora vamos olhar de mais perto para cada uma dessas etapas:

1 – PLAN(PLANEJAR)

Neste primeiro passo para a aplicação do ciclo PDCA na prática, você deve elaborar um plano. Deve desenvolver, com base nas diretrizes e políticas da sua empresa, uma estratégia que se proponha a resolver os problemas levantados.

A partir disso, deve levar em consideração três fases fundamentais:

  • A primeira é o estabelecimento dos objetivos do ciclo;
  • A segunda é a escolha do caminho para que estes objetivos sejam atingidos;
  • A terceira é a definição do método que deverá ser utilizado para isso.

E deve também montar a equipe, escolhendo os profissionais que liderarão os processos. Como ocorre em qualquer planejamento, a boa e cuidadosa elaboração desta etapa evita falhas e perdas de tempo desnecessárias nas próximas fases do ciclo PDCA.

gp4us - Ciclo PDCA

2 – DO (FAZER)

O planejamento está pronto e bem detalhado?  Hora de colocá-lo em prática. Hora de arregaçar as mangas e tocar a execução do plano, que consiste também em treinar os envolvidos para prepará-los para o método que será empregado.

Esta é a etapa mais importante do ciclo PDCA na prática, e deve ser acompanhada bem de perto para que em nenhum momento se desvie do que foi planejado.

gp4us - Ciclo PDCA

3 – CHECK (VERIFICAR)

O terceiro passo do PDCA é a análise ou verificação dos resultados alcançados e dos dados coletados.

Esta etapa pode se desenvolver tanto ao mesmo tempo em que o plano quando é elaborado – quando se verifica se o trabalho está sendo feito da forma devida – quanto após a execução, quando são feitas as análises estatísticas dos dados e a verificação de todos os itens.

O principal objetivo desta fase é detectar eventuais erros ou falhas.

gp4us - Ciclo PDCA

4 – ACT  (AGIR)

É a última fase do PDCA. Nela, são tomadas as ações corretivas com base no que foi verificado. Ou seja, deve-se corrigir as falhas encontradas no passo anterior.

Então, após realizada a investigação das causas destas falhas ou desvios no processo e após agir para solucioná-las, comece tudo de novo.

Exatamente: o ciclo PDCA na prática deve ser retomado sempre para que, as práticas e os processos se aprimorem continuamente.

gp4us - Ciclo PDCA

 

gp4us - Ciclo PDCA

O ciclo PDCA é uma ferramenta fantástica que pode e deve ser utilizada em conjunto com o 5W2H e o Diagrama de Ishikawa ou Diagrama Causa e Efeito, no acompanhamento do andamento de cada ação definida, garantindo o cumprimento dos prazos definidos.

Porém, mesmo sendo simples sua utilização, a maioria das empresas não utiliza método algum para validação e acompanhamento de execução de ações, o que implica muitas vezes em constatação de problemas e não conformidades quando não há mais tempo de resolvê-los ou resolvê-los com qualidade.

Exemplo de 5W2H

gp4us - Ciclo PDCA

Diagrama Causa e Efeito (Ishikawa)

gp4us - Ciclo PDCAAbaixo exemplo de Melhoria de Processo utilizando o PDCA

Fluxo de Solicitação de Emprestimo

gp4us - Ciclo PDCA

Fluxograma do Processo

gp4us - Ciclo PDCA

3) Diagrama de Causa e Efeito (Ishikawa)

 

gp4us - Ciclo PDCA

Problema no Atendimento Moroso

gp4us - Ciclo PDCA

Saiba mais

  • Melhore seus Processos, elimine Desperdícios e evite ao máximo Demitir. https://www.linkedin.com/pulse/melhore-seus-processos-elimine-desperd%C3%ADcios-e-evite-miranda-da-silva?trk=mp-reader-card  
  • Ferramentas da Qualidade. https://www.linkedin.com/pulse/ferramentas-da-qualidade-edson-miranda-da-silva?trk=mp-reader-card 
  • MASP – Metodologia de Análise de Solução de Problema. https://www.linkedin.com/pulse/masp-metodologia-de-an%C3%A1lise-solu%C3%A7%C3%A3o-problema-edson-miranda-da-silva?trk=mp-reader-card 
  • Vídeo “Onde erram as empresas e o PDCA – Vicente Falconi” https://www.youtube.com/watch?v=Sfi5P90BR-w 
  • Como usar o Ciclo PDCA para melhorar a sua gestão financeira. http://blog.luz.vc/como-fazer/como-usar-o-ciclo-pdca-para-melhorar-a-sua-gestao-financeira/   
  • Diagrama de Causa e Efeito (Ishikawa) na prática https://www.linkedin.com/pulse/diagrama-de-causa-e-efeito-ishikawa-na-pr%C3%A1tica-edson-miranda-da-silva?trk=prof-post   

Exemplos de aplicação

gp4us - Ciclo PDCA

gp4us - Ciclo PDCA

gp4us - Ciclo PDCA

gp4us - Ciclo PDCA

gp4us - Ciclo PDCA

gp4us - Ciclo PDCA

gp4us - Ciclo PDCA

 

Conclusão

Antes de demitir, elimine todos os Desperdícios, Inove, melhore a Qualidade, aumente a Produtividade, Fidelize os seus Clientes, realize Parceria com os seus Fornecedores, Treine e Motive seus Colaboradores e crie uma cultura de Melhoria Contínua na vossa empresa. Na crise ou em qualquer época, pense fora da caixa.

Evite demitir antes de eliminar todos os desperdícios, reduzir custos e implementar a cultura da melhoria contínua na vossa empresa para ter um CRESCIMENTO SUSTENTÁVEL.

  1. Fidelize os seus clientes;
  2. Invista em Qualidade & Produtividade;
  3. Premie os criativos e pró-ativos;
  4. Invista nas pessoas;
  5. Lidere de maneira construtiva;
  6. Estabeleça prazos;
  7. Busque atingir metas;
  8. Converse com pessoas fora da empresa;
  9. Veja nos problemas oportunidades de melhoria;
  10. Estimule a equipe a ter ideias.
COMPARTILHAR
Artigo anteriorSérie Microsoft Project PPM #5 – Trabalhando com recursos
Próximo artigoPMBOK Templates – Gestão de Projetos Modelo Tradicional
Edson Miranda
Possui 27 anos de experiência no processo qualidade, cinco certificações ISO 9001, uma ISO/TS 16949 e vários projetos para melhorar a qualidade, aumentar a produtividade, eliminar desperdícios, reduzir custos, melhorar a organização, segurança e o relacionamento com clientes e fornecedores, e estou me especializando em energia limpa renovável e sustentabilidade.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário
Informe seu nome